quinta-feira, 4 de junho de 2009

Amélia minha. Minha Amélia.





Prendada, renda, laço, fita; bordada.
E o cheiro de rosas dos cachos dos seus cabelos.
Sorriso belo. Córnea de chocolate e avelã.
Doce!

Mãos hábeis; olhos mais hábeis ainda.
Tesoura, lã, linha, ponto, agulha.
E o cheiro do café com pão matinal.
Receita, bolo, forno, fôrma e forma.
Avental colorido.
Uma flor de plástico, meio de mesa.
Cama pronta; cores em forma de roupas no varal.

O relógio e o seu "tic-tac" impera na cozinha.
Delicadeza em seus gestos frenéticos.
Arroz, feijão, salada, galinha.
Prato cheio, barriga vazia.
E me espera no portão com a candura estampada.
E as juras de paixão guarda para meia-noite.

És dona de mim.
És mãe, filha, mulher!
Ai, Amélia. Minha Amélia!
Qua falta me faz seu sorrir pontual.
Não sinto mais o cheiro das rosas. Por onde andas?
Que falta você me faz...

Mas faço de mim culpado sem pena.
Matei a Amélia, aos pouquinhos, todos os dias.
E ela não aguentou. Sua alma inquieta não suportou.
Voou.
Pra longe. Se embrenhando pelo mundo.
Cansou brincar de casinha.
A sede de experimentar os ventos nos cabelos foi maior.
Cansou de ser só mais uma "mulherzinha".
Ai, Amélia, minha...

6 Por aqui, um pouco mais de "etc.":

Paulinha Neves disse...

Amélia que é a mulher de verdade...

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Nana,

Essa sua desenvoltura na escrita, faz qualquer Amélia sentir vontade de escrever de verdade.

Beijo grande, menina linda.

Rebeca


-

slowdabf disse...

http://tododiaumtextonovo.blogspot.com
blog louco do slow e www.myspace.com/slowdabf
musicas mais loucas do slouco..veja e ouça nun dia desses

Vanessa M. disse...

Essa é a sua Amélia

=))

' Montreal. disse...

eu lia e sorria num gozo que tem me acompanhando por aqui.
agora você desliza menina.
fico feliz!

lembrou de mim..
porque descomplicou e viajou.

olho pro texto e,
se eu disser pra mim que foi eu que fiz,
eu acredito!
haha

lindo dona Naila! ;D
keep walking.

Sophia Anônima disse...

Eu sou mais uma mulherzinha! E nem me canso, continuo suportando as cacetadas da vida...
Mas, a gente não pode ter tudo na vida, né não?
Um beijo, você sempre arrasa!!