segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Talvez seja tolo...

Me falou isso sem que ao menos eu precisasse abrir a boca. Acho que a inquietação e a confusão estavam estampados e em letras garrrafais, bem na minha testa. Ele estava concentrado em sua pescaria; mas nem assim errou na medida de suas palavras:

- O que tens visto nesses últimos dias, meu caro?
Algo insano o suficiente para te convencer que você está louco, ou agora que você enxerga que tudo pode "plantar bananeira"?

- Não é só que...

- Ah! vamos! Uma pitada de loucura evita os excessos de tolices.


Ao ouvir isso, fiquei pensando se sou um tolo por ainda não saber lidar com as surpresas da vida, ou se sou tolo por aceitar um conselho de uma pessoa que além de ter sua sanidade à prova, estava pescando.
Um dia descubro...

2 Por aqui, um pouco mais de "etc.":

Luna Sanchez disse...

Rs

Tolo é quem ignora as loucuras do mundo, quem não as vê como fonte de alguma coisa qualquer, nem que seja de maus exemplos.

Beijos, Nana.

ℓυηα

airlon disse...

anotar:

'Uma pitada de loucura evita os excessos de tolices.'

isso tem cara de tag line de MSN, rsrs; bjo, saudações musicais!

APS